Análise PC – Greedy Guns

Greedy Guns é mais um jogo nacional e com qualidade lançado para PC.

Este jogo foi desenvolvido por uma equipa de apenas três pessoas, denominando-se como “Tio Atum” (sempre que aparece o nome no splash screen, tenho de me conter a não largar uma gargalhada). Tal como outros jogos recentes, este pode ser realizado graças a um projeto do Kickstarter, mas ao contrário de muitos, este não desapontou e é na realidade um excelente metroidvania.

Como já foi referido, Greedy Guns é um metroidvania inspirado por pérolas do passado como Gunstar Heroes, Super Metroid e Metal Slug. Estas inspirações tornam-se evidentes ao jogar e para fãs desses jogos, só torna este jogo ainda mais delicioso. Sendo um jogo Português, escusado será dizer que tem a opção de jogar em Português, algo que tendo a evitar salvo no caso dos jogos nacionais. Semelhante aos Metroid, o protagonista começa sem habilidades e com apenas uma arma, no decorrer do jogo vai então desbloqueando novas habilidades (ao derrotar bosses) e novas armas ao progredir com a história, parar realmente se poder obter as novas armas será preciso comprar as mesmas.

Fiel às suas inspirações é também um jogo de plataforma 2D, com animações bastante agradáveis e coloridas. No que toca à animação a maior falha é a falta de diversidade na imagem de fundo, que de vez em quando se aparenta fora de lugar. A banda sonora é também agradável na sua maioria, embora nos níveis mais longos de possa tornar um bocado entediante e repetitiva, felizmente o jogo é muito animado o que ajuda a evitar o aborrecimento proveniente da música.

Greedy Guns é um metroidvania divertido e bem construído. A nível de cores e a variedade de armas o jogo relembrou-me bastante do Gunstar Heroes, algo que para mim foi uma mais valia. Tanto os personagens como os monstros são cómicos e divertidos algo que é reforçado pelo modo como interagem. O jogo é muito divertido e com um nível de dificuldade agradável e desafiante, sendo que o único problema que pude observar no jogo foi quando experimentei jogar com um comando, a mira não é tão recetiva como deveria ser, o que tornava o jogo mais difícil do que deveria ser, já com o rato este problema é inexistente. É um jogo divertido, já não jogava metroidvanias há algum tempo como tal gostei muito desta experiência.

Greedy Guns é mais um jogo nacional e com qualidade lançado para PC. Este jogo foi desenvolvido por uma equipa de apenas três pessoas, denominando-se como “Tio Atum” (sempre que aparece o nome no splash screen, tenho de me conter a não largar uma gargalhada). Tal como outros jogos recentes, este pode ser realizado graças a um projeto do Kickstarter, mas ao contrário de muitos, este não desapontou e é na realidade um excelente metroidvania. Como já foi referido, Greedy Guns é um metroidvania inspirado por pérolas do passado como Gunstar Heroes, Super Metroid e Metal Slug. Estas inspirações tornam-se…
Greedy Guns é um jogo divertido que traz com ela a nostalgia dos bullet hell e dos metroidvania. Quem gosta de Metal Slug tem de experimentar este jogo sem dúvida alguma.
Diversidade - 84%
Jogabilidade - 78%
Grafismo - 72%
Som - 68%
Nostalgia - 94%

79%

Nostálgico!

Greedy Guns é um jogo divertido que traz com ela a nostalgia dos bullet hell e dos metroidvania. Quem gosta de Metal Slug tem de experimentar este jogo sem dúvida alguma.

User Rating: No Ratings Yet !

About the author

Um amante de JRPG's, tendo um especial carinho pela época dos 16bit. As minhas séries de jogos favoritas são Dragon Quest e Super Robot Wars.

Related

JOIN THE DISCUSSION

Inline
Inline